SE VIER A BUENOS AIRES NÃO DEIXE DE VISITAR…

Meu professor de espanhol, como um bom porteño que é, dizia que Deus criou o mundo mas mora em Buenos Aires rsrs, brincadeiras a parte, Buenos Aires tem seu encanto! Como muita gente nos pergunta o que é legal conhecer e visitar por aqui decidi fazer este post com os passeios mais legais da cidade.. Não que eu já conheça tudo mas vou contar o que sei, coisas de turista né.. mas saiba que se você vier pra cá passear também temos muitas opções de trabalho para nos ajudar!! Um dia de passeio e um dia de missões ok?!
Acho mais fácil separar os passeios por bairro porque assim você pode escolher um dia e explorar tudo que tem numa região, a pé mesmo, assim vai conhecendo melhor a cidade..

PUERTO MADERO

Meu lugar favorito da cidade. Volto e volto quanto der!

puente

1- Ponte da Mulher: passeando pelo porto você vai encontrar um monte de lanchonetes, padarias, restaurantes e sorveterias nas docas e bem no meio delas a ponte da Mulher que é uma ponte que se abre quando os barcos altos precisam atravessar o porto, bate uma fotinho lá e pronto.

2-Restaurantes: excelente opção para jantar a noite (carnes argentinas) mas já vou avisando que é caro então cuidado! Um bom e com preço acessível é o “Club porteño”

puerto

3- Reserva ecológica: atrás do porto existe uma reserva ecológica gigante, você pode fazer trilhas a pé (anda muuuuito!!) ou alugar uma bicicleta e passear por lá, daí já aproveita e estende seu passeio de bici pelo porto. Na costanera norte tem um monte de barraquinhas de churrasquinho.. é muito bom!! Basicamente pão com lingüiça ou pão com carne..

4- Parque do porto e feira: Um excelente passeio também é ir no parque do porto sentar na grama e fazer um pic-nic! A vista é deslumbrante! Aos domingos atrás do parque tem uma feira de bugigangas tipo a feirinha do largo da ordem de Curitiba.

RECOLETA

Ai minha gente tem que ir!!! Se tiver um dia só pra passear faz esse tour aqui e depois sai pra jantar no porto!

1- Facultad de derecho: Prédio histórico, hermoso e gigante!!

floralis
2- Plaza Naciones Unidas / Floralis Generica: Vizinho da faculdade está este parque lindo, nele tem uma flor metálica e foi feita para abrir as pétalas quando bate o sol e fechar as pétalas a noite.. quebrou e não abre mais mas é linda do mesmo jeito! 🙂

3- Museo Nacional de Belas Artes: Atravessando a quadra do parque está o museo. Pra quem gosta de arte, rsrs.

bsas_design4- Buenos Aires Design / Feira livre: Este shopping é de tirar o ar, só decoração e móveis, demais!! Tem uma loja linda chamada Morph que é uma Imaginarium muito da melhorada com souvenirs e coisinhas de casa incríveis!! Aos domingos em frente ao shopping tem um largo gramado onde armam uma feira livre e também tem umas apresentações de arte, a feira é bem da mequetrefe mas as vezes acha-se coisas boas..

5- Cemitério da Recoleta: Atrás do Buenos Aires Design está o cemitério da Recoleta, é mega famoso, se você gosta de visitar cemitérios venha!! brincadeira, é que aqui está enterrada a Evita Perón, olha, eu vaguei umas 2 horas lá dentro pra achar o túmulo dela e quando cheguei era uma casinha bem da sem vergonha, nada de mais, mas tem outros túmulos que parecem castelos… pra quem gosta de antigüidades e arquitetura vai.

6- Recoleta Mall: Saindo do cemitério você dá de cara com este shopping, bem agradável e caro! hahaha. O bacana aqui é que na frente do shopping (lateral do cemitério) tem um calçadão cheio de restaurantes e padarias muito charmosas! Senta lá e pede um café con leche y 3 medialunas e divirta-se!! Dúvido que não vá gostar!

PALERMO
1- Museo de Arte Latinoamericana (MALBA): Esse é mais moderninho que o Museo de Belas Artes e cheio das jogadas de arquitetura.

embaixadas2- Embaixadas: Pra quem quer ver contruções antigas andando pela região do Malba tem casas ma-ra-vi-lho-sas construídas em 1.500-e-algo que são as embaixadas de diversos países, a região é muito bonita para caminhar!

3- Parques de Palermo: é uma sucessão de parques enormes e lindos, com tudo que um parque tem direito, passeio de bici, aluguel de patins, pedalinho, barquinhos, barraquinhas, pescaria e etc.. Tem dois bem lindos pra conhecer, um chama Rosedal (O parque das rosas) e o outro Jardim Japonês.parques_palermo

zoo

4- Zoo: Eu amo bichos então super recomendo o zoológico é incrível!

5- Shopping Alto Palermo / Av Sta Fe: O shopping é enorme!! Ele fica na Av. Sta fé que é uma rua só de lojas, todas do mundo! Tanto para a direita como para a esquerda você vai andar quilômetros nela e não vai acabar nunca!

6- Palermo Soho: Uma região bem pitoresca com restaurantes, cafés e grifes, é bem agradável passear aqui, sempre cheio de turistas.

MICROCENTRO:

obelisco

1- Obelisco / Av. 9 de Julio: Este é o ponto turístico mais famoso da cidade, o obelisco na larga avenida de 9 pistas.

2- Congresso Nacional / Casa Rosada: A casa Rosada é a sede da presidência da Argentina. Tem que ir conhecer!! Tá tudo pertinho!

colon

3- Teatro Colón: Simplesmente deslumbrante, foi restaurado a pouco. Tem uma “visita guiada” pelo teatro que você conhece todos os cômodos e a história dele, se puder assistir uma peça aí melhor ainda.

4- City Tour: Ônibus turístico que passa por todos os principais pontos da cidade, você tem direito a descer em 3 pontos passear e pegar o próximo ônibus, é bem legal, vale muito a pena porque você vê a cidade toda em 1 dia e tem narração no seu idioma pelos fones de ouvido.

5- Calle Florida: é um calçadão de lojas abarrotado de turistas tem de tudo que você pode imaginar. Nesta rua fica um shopping lindo chamado Galerias Pacífico, ele é bom porque tem praça de alimentação, caixas eletrônicos, casa de cambio e lan houve, só que aí tem que cuidar pra não ser roubado, mochilas e bolsas bem na sua frente! Todo
dia roubam gringos nessa rua!

LA BOCA
caminito
1- Bombonera: Estádio do Club Boca Juniors.
2- Caminito: Aqui você encontra casinhas de madeira coloridas, lojas de lembrancinhas, restaurantes, tango e umas bugigangas. Sinceramente não é nada de mais, mas vai assim só pra ver o que é e registrar a foto. As casinhas coloridas são bonitas mas cuidado porque é um bairro mais perigoso onde turista é alvo de assalto.

SAN TELMO
– Feira: Feira de antigüidades aos domingos. Tem apresentações de rua muito legais. As antigüidades são realmente muito antigas, rsrs, gostou?

TREN DE LA COSTA
tigre

Este passeio é IN-CRI-VEL!! Um passeio de trem (foi construído em 1890 e depois restaurado muitas vezes) que leva do Belgrano ao Tigre. Passa por 11 estações que é como se fossem pequenas cidadezinhas próximas da capital, você tem direito a descer em 3 para passear e depois toma outro trem para seguir viagem. O ponto final é o Tigre, um delta do rio que tem passeios de barco, uma feira maravilhosa (essa não é bugiganga é artesanato), restaurantes e um parque de diversões! Parada obrigatória!

Chega por hoje, quem sabe contamos mais numa próxima! Com isso já dá pra você se divertir bastante!!

Ana.

O que aconteceu com a igreja em Buenos Aires?

Quando a gente ainda estava buscando a Deus para saber o lugar para onde iríamos, eu pensei em todos aqueles países pouco evangelizados do mundo, aqueles lugares onde cristãos são perseguidos,  a Bíblia é proibida e existem pessoas que sequer ouviram o nome Jesus… já estava me preparando para viver num aldeia nômade em algum lugar do mapa, e quando ouvi “Buenos Aires” confesso que fiquei surpresa, por vários motivos…e um deles foi porque na minha cabeça a Argentina tinha uma igreja muito forte, muito avivada e cheia de missionários espalhados pelo mundo! Pensei, o que será que vai ter pra eu fazer lá com tanto crente por metro quadrado? Mas, Deus não dá ponto sem nó! E a realidade da igreja que descobri depois que cheguei na Argentina é bem diferente daquela que eu tinha em mente…

No passado a Argentina foi o palco de um grande avivamento de Deus nas igrejas, que começou aqui e se espalhou para o mundo todo.   Tive a oportunidade de conversar com alguns pastores antigos aqui da cidade e encher eles de perguntas!! E muitos contam histórias deste período em que as igrejas tinham cultos todos os dias, que começavam por volta das 19hs e iam madrugada adentro.. orando, vendo curas divinas, libertação, batismo no Espírito Santo e por aí vai.. eles contam que não era necessário convidar pessoas não cristãs para os cultos, simplesmente elas passavam na frente da igreja e entravam! Em diferentes momentos deste avivamento participaram homens como Jack Schisler,  Edward Miller, Juan Carlos Ortiz e Carlos Annacondia, de quem você provavelmente já ouviu falar.

Bom, dito tudo isso, você pode imaginar a expectativa que eu tinha quando lá em 2009 descobri que viria morar nesta cidade! Achei que eu ia andar na rua ouvindo o El Shadai falar comigo e vendo mortos ressuscitarem!! rsrs.. falando sério, achei que Deus estava “chovendo no molhado”, poxa, me desfazer de toda a minha vida no Brasil para ir pregar pra um povo que já estava encharcado de Deus!!? Mas a verdade é que a coisa aqui não está bem assim..

Hoje a grande Buenos Aires, que engloba a capital federal e municípios vizinhos, têm 15 milhões de pessoas. A maioria da população é católica (90%) porém apenas 20% são praticantes, e pasme, a porcentagem de cristãos é apenas 4,7% (e 2,3% na capital federal). Em toda a província de Buenos Aires existe um total de 490 igrejas evangélicas, o que dá 1 igreja para cada 30.000 pessoas! O número de cristãos é bem menor entre universitários e profissionais liberais. No bairro que moramos existe 1 igreja evangélica e no bairro vizinho, nenhuma. O número de divórcios é astronômico, é um dos países com maior índice de infidelidade conjugal da américa latina, é uma das cidades mais procuradas para turismo sexual da américa latina e foi o primeiro país a legalizar o casamento homossexual.

Caminhando nas ruas você pode ver bancas forradas de cartazes pornográficos em bairros residenciais, a cidade recheada de papéis com ofertas de lugares de prostituição, muuuuitas pessoas fumando, inclusive adolescentes. Eu converso com as pessoas e sinto uma grande indiferença para com Deus. O que mais me chama a atenção em tudo isso é que as pessoas parecem não ter a noção da existência de Deus, ou a idéia de que precisamos de Deus. Aqui é muito, mas muito comum que as pessoas recorram a horóscopo e superstições para terem no que se apegar. Tirando as exceções, o batismo no Espírito Santo não é uma realidade frequente na igreja.

Então afinal eu não estava tão longe quando pensei naqueles países que estão distantes de Deus, para mim a Argentina é um país que está distante de Deus. O Brasil agora me parece um país super hiper mega avivado! Ao que parece, esta tem sido a história da Argentina, um ioiô, não só na vida espiritual, mas consequentemente na politica e economia. O país intercala períodos de grande prosperidade e astronômicas crises financeiras assim como intercala períodos de avivamento com tempos de frieza e indiferença espiritual.  Minha oração tem sido que Deus traga de novo, por sua infinita misericórdia, a sua presença sobre esta nação, porém que desta vez, Ele levante uma geração para mantê-la viva.

Agora você não tem mais dúvidas que precisa orar por nós!! rsrs, de verdade, ore por nós  e para que ele envie muito mais missionários, pastores e obreiros para anunciarem sua palavra aqui!

Deus abençoe você! Ana. 

Faça a vida valer a pena!

Gostei desse vídeo porque ele rompe com alguns mitos contemporâneos, como a mentira de que o dinheiro deve ser a bússola mais importante para as decisões cruciais da vida.

Todo adolescente ou jovem entra numa etapa (geralmente no vestibular) onde a pressão de decidir o que fazer no futuro se torna angustiante, por várias razões: a começar pela incerteza do que eles mesmos realmente querem, a incerteza do que trará sucesso, a abstração do significado: “ser bem sucedido” e o conceito generalizado e simplista de que ser rico é ser próspero, somado a essa “salada de fruta” ponha a pressão familiar (os pais que a todo custo tentam convencer os filhos a terem a mesma profissão que eles) e a insegurança pessoal, não é uma decisão fácil, mas boa parte dessa carga é aliviada quando entendemos que não é uma decisão permanente, sempre tem um retorno à frente e novas encruzilhadas a cada dia, muitas pessoas voltam a estudar (o que realmente gostam) depois de adultas, às vezes leva tempo para descobrirmos nossa vocação e não há nada de errado nisso!

Quantos pais se desesperam quando escutam os filhos dizendo que querem ser jogador de futebol, músicos, artistas e outras profissões “difíceis”?! E quantos filhos se frustram vivendo a vida que os pais planejam a eles?! São poucos os que de fato acreditam que o dinheiro não é tudo, é quase que uma crença inconsciente de que se o filho deles que sonha em trabalhar no circo (ou outra profissão “errada”) decidir ouvi-los e em vez de se tornar um artista circense for um empresário rico não terá como ser frustrado na vida tendo dinheiro! Isso não é verdade! Poucas coisas frustram tanto uma pessoa ao longo do anos do que gastar seu tempo numa atividade que não lhe dá a menor satisfação, ainda que ela ganhe muito dinheiro com isso, o sentimento constante, crescente e agonizante é de morrer um pouco a cada dia.

Engraçado como sempre que falamos “fulano deu certo na vida” ou “ciclano é bem sucedido” nos referimos a pessoas com muito dinheiro, ninguém fala de um gari bem sucedido ou um palhaço que trabalha no circo como alguém que “deu certo” na vida! Mas a verdade é que tem milionários com uma vida miserável e fracassada, onde todas as riquezas que possuem não livram os filhos das drogas, da prostituição, do medo de ser roubado e sequestrado que os atormenta, da desconfiança e da solidão de pensar que “todos” a sua volta se aproximam com intenções aproveitadoras, é devastador!

Não sou o tipo de cristão legalista que é contra ter dinheiro, é bom ter dinheiro, é muito bom usufruir de uma vida financeira boa, viajar, comer bem e etc… não tem nada de errado em ter dinheiro. Fazer o que amamos e ainda ganhar um salário com isso é maravilhoso, mas o dinheiro não deve ditar nem limitar nosso rumo de vida! O vídeo acima nos pergunta: O que de fato gostaríamos de fazer se não existisse dinheiro? Nossa satisfação de viver “a vida dos sonhos” não pode ser abafada pela “obrigação” social de ter uma profissão financeiramente promissora e vocacionalmente depressiva. Devemos nos perguntar: A vida que vivo HOJE é a vida que sonho e que me faz respirar adrenalina? Ou é a vida que levo porque “tenho” que levar? Outra pergunta além de: “Eu gosto da vida que tenho?” é perguntar a Deus: “Qual vida o Senhor tem preparado pra mim? Qual é a Sua missão de vida pra mim?” Nada mais inteligente do que perguntar ao autor da vida o que Ele planejou! A bíblia nos diz que Deus escreveu todos os nossos dias antes do nosso nascimento, o “roteiro” já esta pronto, não precisamos inventar uma história de vida, mas descobri-la em Deus e vivê-la!

Às vezes nos falta é fé de que Deus quer e vai falar conosco, precisamos crer não só que Ele tem um propósito para nós, mas que tem interesse em nos revelar essa missão de vida! Não temos que supor o que Jesus quer, mas descobrir e seguir na direção que Ele mostrar. Não deixe que o dinheiro seja a voz que guia seus passos, não permita que as circunstâncias te levem a um caminho (Gideão ouviu Deus assim, mas há outros personagens na bíblia que nos inspiram e nos desafiam a ter fé que Deus fala de formas mais claras), e no que Ele falar creia de TODO seu coração, ainda que pareça algo muito doido, não abra mão da convicção que Jesus imprimir dentro de você, sem dúvidas a vida que Ele planejou pra você é a melhor que se pode experimentar.

Como pegar um táxi em Buenos Aires

taxi-1

Se existe uma cidade onde você tem que ficar ligado pra não ser roubado quando anda de táxi é Buenos Aires, claro que tem taxistas honestos mas sempre é bom ficar esperto pra não ser passado pra trás, a impressão que dá é de que a maioria dos motoristas que andam na parte turística são picaretas, afinal de contas a quantidade de golpes é grande, tanto que a National Geographic recentemente fez um filme que mostra como os taxistas daqui de BsAs tentam roubar turistas, vou listar os truques que conheço e as dicas pra ninguém vacilar na cidade quando vierem nos visitar.

1 – O de um parente doente (geralmente a filha)
Talvez seja o golpe mais antigo, eles puxam papo e logo depois começam a mentir com a história de que a filha (ou algum familiar) precisa de um cirurgia e ele está “duro” precisando de 150 dólares (os valores mudam), um comparsa liga no celular dele no meio do trajeto e ele continua a história por telefone para parecer mais verídico ainda… o turista fica com pena e cai no golpe.
DICA: Não se comova com o teatro, desconfie e desconverse, se quer ajudar alguém faça direito, vá numa instituição carente.

2 – Nota falsa
Geralmente acontece com notas de 100 e 50 pesos, os taxistas compram essas notas falsas no centro por 50 / 25 pesos. Ao final da corrida quando você entrega a nota ao taxista ele troca a sua nota por uma falsa e te diz que a nota que você entregou é falsa, mas na verdade ele esta ficando com a verdadeira, te dando uma falsa e ainda te cobrando o valor da corrida, malandrão né? Veja 3 minutos do filme Capital do delito que a National Geographic fez mostrando esse golpe:

Antigamente as notas falsas eram meio toscas, hoje os safados se especializaram, tem marquinha
d´água e tudo, no entanto as falsas não tem os traços escuros paralelos que aparecem contra luz (veja a foto abaixo).

nota-100-pesosDICA: Evite dar notas de 50 ou 100 pesos, ande com trocado e pergunte mais ou menos o preço da corrida antes de entrar no táxi. Bata foto da cédula (da numeração) com o celular e se ele vier com o papo de nota falsa bata o pé e diga que tirou uma foto dela e que vai ligar pra polícia, provavelmente ele vai dar um show gritando irritado mas na verdade eles ficam muito mais assustados que irritados quando você ameaça ligar para polícia. Particularmente quando não tenho trocado e preciso dar uma nota de 100 ou 50 pesos já digo (segurando ela em minhas mãos) que ele pode verificar que ela é verdadeira, eles ficam desarmados porque não tem o que fazer senão dar o troco certo.

3 – Outro valor
Você entrega 100 eles dizem que você entregou 10, você entrega 50 dizem que você entregou 5, e por aí vai… geralmente tentam isso quando percebem que você é turista e está distraído ou eufórico para sair comer ou fazer compras, aí sabem que nem estão prestando atenção direito na hora do pagamento.
DICA: Entregue nota por nota devagar falando o valor de cada uma delas, se mesmo assim ele tentar dar o golpe, bata o pé, faça cara de mal e fale a palavrinha mágica: “polícia”.

4 – Está “fechado” 
Você arrisca o portunhol e diz o nome do restaurante, bar ou seja lá onde está indo, ele diz que esse lugar está fechado mas em seguida te sugere um outro local “especial” para ir, você acredita, ele dá voltas e mais voltas até chegar no “lugar especial”  (que geralmente é uma parceria dele como o dono do estabelecimento), você só perde tempo e dinheiro.
DICA: Seja um turista ligado, se informe sobre os horários, endereços e etc, hoje com o nosso amigo google você pode planejar um roteiro certeiro. Afirme que prefere ir ao destino mesmo ele dizendo que está fechado.

5 – Taxímetro alterado
O motorista tem instalado um dispositivo (um botãozinho) que vai alterando o taxímetro toda vez que ele aperta, no fim do trajeto você acaba pagando o preço de 3 corridas para seu destino.
DICA: Pergunte (antes de entrar no táxi) mais ou menos quanto custa uma corrida até o seu destino, se não tem noção pergunte para alguém na rua e depois pare um táxi mas não combine um preço fechado, exceto aeroporto, faça-o a ligar o taxímetro ainda que ele responda sua pergunta inicial.

6 – Voltas e mais voltas
O taxista da a volta ao mundo antes de te levar ao destino final, faz um caminho comprido e desnecessário.
DICA: Conheça um pouco o mapa da cidade, a parte turística da cidade é muito pequena comparada com toda a Capital federal, use o GPS do celular ou google maps que te dá as rotas.
MAPA-turistico-buenos-aires

7 – Preço fechado sem taxímetro
Ele vai propor isso, assim lucra em cima de você.
DICA: Recuse pagar um preço fechado, a não ser que seja aeroporto.

8 – Corrida dobrada (ou dupla)
Verifique se há alguém no banco de passageiro da frente, sempre que possível vá nele, o golpe funciona assim: Além do motorista no carro, há um amigo dele no banco de passageiro, você entra correndo sem perceber isso e só depois se dá conta, na hora de pagar eles cobram o dobro porque você “tem que pagar” o valor do taxímetro para os dois.
DICA: NUNCA entre num táxi com mais de uma pessoa dentro, se entrou saiba que está vulnerável, nesse caso bater o pé e fazer barraco pode ser perigoso, olhe ANTES de entrar.

taxi-2

9 – Trajeto Aeroporto
Há 2 aeroportos em BsAs: Ezeiza (EZE pistarini) e o Aeroparque (AEP Jorge Newbery). O Ezeiza fica em outro planeta, é muito longe, muito, se puder comprar passagem para o Aeroparque é melhor, fica 10 / 15 minutos do centro, o ezeiza 50 min / 1 hora.
DICA: NUNCA pegue táxi fora do aeroporto, nunca, tá cheio de “urubus” tentando te convencer de fazer a corrida com eles. O ezeiza tem o táxi oficial do aeroporto, chama-se táxi ezeiza, depois de pegar as malas e passar por um pequeno corredor de remises você se depara com o táxi oficial do ezeiza (dentro do aeroporto, foto abaixo), você paga antecipado e se quiser paga com cartão de crédito, acredite em mim é a opção mais barata: 220 pesos para qualquer parte da capital federal (se você voltar depois para o ezeiza com a mesma empresa você paga 180 a volta, mas tem que ser ida e volta, guarde o comprovante da ida e agende com antecedência seu retorno) total das 2 corridas: 400 pesos (preço em 08/01/2013).

ezeiza-oficial

Não sei se o Aeroparque tem táxi oficial (acredito que sim) mas lá também tem a empresa Manuel Tienda león que é bem confiável (mas é mais cara que o táxi oficial do ezeiza), a corrida deles do ezeiza a capital fica 290 pesos (com pedágio incluído), o táxi oficial 220 (com pedágio também), mesmo assim é melhor que os golpistas de fora do aeroporto. Essa empresa Manuel Tienda león tem também um ônibus muito confortável com ar condicionado e WiFi que leva por 75 pesos por pessoa do ezeiza até a estação retiro (atrás do Sheraton que fica de frente com a praça dos ingleses, inclusive aí em frente a estação de trem do retiro é o pior lugar para pegar táxi, a corja toda fica ali), pra quem viaja sozinho ou em casal é uma boa opção, já quem vem em 3 ou mais não compensa, evite também pegar táxi com carros velhos, geralmente são os motoristas menos confiáveis. Um táxi (de rua com taxímetro rodando) do Aeroparque ao centro custa aproximadamente 50 pesos, o problema é que os taxistas de rua são geralmente os golpistas.

manuel

Se você é meio tio patinhas e fica no desespero da economia, saia a pé do Ezeiza, vire a esquerda e caminhe alguns metros, pegue o ônibus de linha número 8 (colectivo ocho), custa uns 2 pesos (quem sabe agora seja um pouco mais caro), vai até o centro, muito mais barato mas é te-ne-broooo-so, leva quase 2 horas, é um ônibus de linha que fica naquele pinga-pinga infernal, além disso chega um momento que ele lota, nessa hora pense na economia, é o que vai te manter dentro dele até o destino final, resista a tentação e não desça antes, a não ser que queira ser assaltado 🙂 Haaa e aqui tem que pagar o ônibus em moeda, não aceitam dinheiro, mas fica frio que moeda eles ainda não falsificam rsrsrs

Aí estão 9 truques de taxistas em Buenos Aires e 9 dicas pra não ser enrolado, a cidade é SENSACIONAL mas tem que ficar ligado porque turista aqui é alvo certo, atenção também na rua florida e no centro, tá cheio de trombadinha roubando carteira de turistas nesses lugares, trocar dinheiro na rua jamais! Vá a casas de câmbio confiáveis.

As vezes assusta ler tantos golpes mas já peguei muito táxi com porteños gente boa pra caramba, como dizem aqui: muy buena onda. A cidade é um show à parte com várias coisas legais pra fazer, é só ficar ligado de não ser passado pra trás.

Dios les bendiga,
Rodolfo

Nossos primeiros dias em Buenos Aires…

Sensacional! Essa é a palavra que resume nosso primeiro mês na Argentina!
Depois de mais de 30 anos no Brasil não dá pra explicar o sentimento de “familiaridade” com Buenos Aires, nos sentimos “em casa”, por mais que tudo seja novidade e estejamos aprendendo nomes de ruas, uma nova cultura, fazendo novas amizades entre uma série de outras novidades, a sensação é de pertencer a esse lugar, nos sentimos super bem aqui! Amamos cada cm cúbico dessa cidade, até com chuva ela é linda, é engraçado que quando Deus põe um povo no seu coração você passa a ter uma simpatia exagerada com as coisas boas da cidade e uma tolerância sobrenatual com as coisas ruins dela, até um senso maior como cidadão vem junto no pacote, procuramos mantê-la limpa e damos lugar aos idosos no ônibus com alegria!
A cidade toda tem confeitarias espetaculares, a cada esquina que passo escuto os doces me chamando pelo nome, parece ser impossível emagrecer aqui, alfajor de tudo quanto é tipo, outro dia entramos numa loja de doces e parecia o paraíso na terra eu queria provar tudo, mas Deus é bom e me deu uma esposa sábia que me ajuda a dosar as compras gastronômicas.
Pra compensar as calorias adquiridas me cadastrei num serviço gratuito de bike onde é possível retirar uma bike em qualquer das estações da capital, sensacional! Fiz isso há 3 dias atrás, como era novidade me empolguei e andei muito mais do que meu condicionamento sedentário permite, o resultado eu só senti no dia seguinte quando acordei com o corpo INTEIRO doído e sentando meio de lado pra aliviar as nádegas doídas, pra piorar surgiu uma oportunidade de jogar futebol de madrugada com uns argentinos não crentes, na ânsia de conhecer a cultura e de me aproximar dos porteños sem igreja eu fui “jogar bola”, entre aspas mesmo porque depois da peregrinação de bike pela cidade eu já estava sem vigor.
Antes de sair de casa minha esposa me lembrou que eu já não estava no ápice da minha performance atlética e que tinha o joelho operado, após as recomendações de cuidar com o joelho fui para a quadra, depois de uns 20 segundos alongando senti um brusco deslocamento muscular nas minhas costas e cheguei a pensar em não jogar, mas como tinha ido até lá quis seguir com o plano, depois de alguns minutos (tipo 3) me dei conta que não tinha fôlego pra correr e pedir pra passarem a bola, tipo o famoso: “atrás, atrás” “ladrão, ladrão”, ou corria ou falava, os dois juntos era impossível, mais 1 minuto de jogo e fiz questão de jogar no gol para recobrar o fôlego, fiquei revezando linha e gol por mais uns minutos até o “motor fundir de vez”, exausto fui dormir 04:30 (há muito tempo que não fazia esse tipo de programa, “renasci”, me senti na puberdade novamente), porém hoje cedo acordei com a sensação de ter participado do UFC, todo quebrado!
Além das tentativas esportivas de aproximação com os argentinos sem igreja, uma outra coisa importante para avançar no que Deus nos chamou pra fazer em Buenos Aires é rejeitar uma série de palavras que muitos brasileiros que estão aqui nos dizem: argentino não se mistura com brasileiro, nenhum porteño vai em igreja de brasileiro, os argentinos são fechados, são mal humorados, não ficam amigos de brasileiros e etc… todas essas palavras nós ouvimos e rejeitamos lá no nosso interior. Nós amamos esse povo e temos uma visão bem diferente desse relatório “padrão” que os brazucas daqui nos apresentam, os porteños são amigáveis, simpáticos, alegres, solicitos, educados e Deus tem um propósito nessa cultura porteña. Uma coisa que tenho aprendido é que amor é uma linguagem universal, é uma necessidade de todos a despeito de nacionalidades e que não existe ninguém que resista ao amor de Deus!
Nesse primeiro mês já vimos Deus nos favorecer em uma série de coisas e na busca de alugar um imóvel definitivo aqui nos deparamos com uma série de “impossibilidades” principalmente para extranjeiros, mas vimos que situações impossíveis são somente uma oportunidade de experimentarmos milagres na nossa vida, no fim das contas conseguimos alugar um apartamento lindo numa região excelente e de uma forma que só Deus poderia nos favorecer, o versículo do momento tem sido “Se Deus é por nós quem será contra nós?” Rm 8:31
No mês passado experimentamos o começo de Mateus 19:29 “E todo aquele que tiver deixado casas, ou irmãos, ou irmãs, ou pai, ou mãe, ou mulher, ou filhos, ou terras, por amor de meu nome… agora começamos a provar a segunda parte dele “receberá cem vezes tanto…” Sabemos que isso é só o começo do que Deus pode e quer fazer, Ele não mede esforços para alcançar o perdido, mas sabemos que pra tudo o que vem pela frente é preciso muita oração, por isso colocamos no topo do blog ^ um campo para você que deseja ser nosso intercessor e quer nos cobrir em oração, é simples, você deixa seu email no campo lá de cima, clica em Subscribe e em seguida confirma o cadastro, depois disso vamos enviando pra você nossas newsletters com os motivos de oração e te atualizando das novidades!

Obrigado,
Deus te abençoe,

Rodolfo & Ana
www.amorsinlimites.tv
contacto@amorsinlimites.tv